NOVEMBRO

O oiro deste mês é insuportável.

Filho do sol eu não merecia
A abundância destas folhas pelo chão.
2-11-1963

Alberto de Lacerda
publicado por RAA às 23:41 | comentar | favorito