Nos invernos viris os ganchos prendem

3

Rapazes enfezados no ventre da tarde
destroçam os pássaros no riso

lavrados descalços a ronda das casas

fogem dentro da noite escondidos
urinam nos cantos a fome a abrir

apoiam as mãos nos homens sentados
procuram as tetas das mães,

os olhos pardos a chupar moscas.

Alexandre Nave
publicado por RAA às 23:02 | comentar | favorito