A RESPOSTA DA NOITE

                                                                                                                                                                                            Ao Gentil Guedes Gomes

A lua é um formidável diamante
No seio duma negra, a fulgurar.
Dessa rainha de Sabá, distante,
Que nos vem, ao sol-posto, visitar.

Quem foi o milionário perdulário
Que deu à noite a jóia excepcional?...
Ah! foi delírio de juízo vário,
Ou capricho de rei oriental...

Fui perguntar-lhe, indiscretamente,
E, em confidência, a noite respondeu:
«É uma recordação, foi um presente
Que o sol, há milhões de anos, me ofer'ceu.[»]

Afonso de Castro
publicado por RAA às 10:53 | comentar | favorito