AVISOS

Teria amado o vento e a fala dos bosques,
as imagens da noite, os pequenos avisos
do coração. Iria regressar
por outros olhos às cores do inverno.

Fernando Pinto do Amaral
publicado por RAA às 18:34 | comentar | favorito