ANDANTE

Acolhei-me se sois também de sonho

que venho de estranheza e sonhos vários

-- um mundo cismas encimando os ombros

e sob os pés países insonhados.

 

Qu dá ritmo a meu vir, move meus passos

pelas ruas destino vivo-e-morro?

Que me desvive e perde entre fachadas,

casas indiferentes feito rostos

 

de isentos rasgos e de ausentes almas?

Que me impele de passo, à casa, à sombra

tão-só afim às outras no ar fechado?

 

Ouço-a (ou me ouço?) respirar. Que há sons

de um coração arquejo e descompasso

transpirando metais, cordas e sopros.

 

Stella Leonardos,

inJosé Valle de Figueiredo,

Antologia da Poesia Brasileira(s.d.)

publicado por RAA às 19:29 | comentar | favorito